O Liberdade

Previsão do Tempo

Campo Grande
+29°C
Grupo Liberdade
Quinta-feira, 19 de julho de 2018
 
04/07/2018 14h52 - Atualizado em 04/07/2018 14h52

Não estamos preparados

Ricardo Cancela
 

Atualmente a população em nosso planeta está calculada em 7,4 bilhões e entre 2050 e 2055, possivelmente estaremos chegando a 10 bilhões, de acordo com indicadores internacionais.

Estaremos assistindo até lá um crescimento muito desigual, onde a África tenderá a dobrar a sua população, passando dos 1,2 bilhões atuais para os 2,5 bilhões, e a Ásia mantendo seu crescimento, porém num ritmo mais lento, assim como a população americana.

Já na Índia, que tem quase a mesma população da China, se tornará a mais povoada em 2050, enquanto países europeus poderão perder até 20% de seus habitantes.

Na América Latina, onde a expectativa de vida cresceu para 74,8 anos em média e a taxa de mortalidade infantil também diminuiu, provavelmente até 2050 chegaremos a 779 milhões de habitantes na região.

Na França até 2050, conforme projeções, apenas um em cada dois franceses terá idade para trabalhar. Em Países como Brasil, China, Rússia, Índia e África do Sul, nos quais o número de idosos chegavam a 380 milhões com 60 anos em 2015, tenderemos a chegar a 940 milhões de idosos até 2050.

Agora vamos analisar algumas óticas versus o crescimento populacional. Na ótica do envelhecimento humano, nos países em desenvolvimento, a desigualdade tende a diminuir, porém hoje uma criança nascida em Serra Leoa tende a chegar aos 50 anos. Se a mesma tivesse nascido no Japão teria uma expectativa de chegar aos 83 anos ou mais, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.

Essas disparidades na expectativa de vida realmente tendem a diminuir até 2050, onde teremos muito mais idosos e menos natalidade, e haverá possivelmente dez vezes mais pessoas com 100 ou mais anos em todo o mundo.

Se a tendência de envelhecimento continuar como demostrado em todos os relatórios pelas principais agências internacionais, as principais causas de morte nos países em desenvolvimento serão idênticas às dos países ricos, tais como: câncer, doenças cardiovasculares e diabetes, e não as causadas por vírus e parasitas, embora estas continuem matando, e muito!

Na ótica da produção de alimentos, esta precisa aumentar em 70% nos próximos 40 anos para suprir a demanda crescente, de acordo com um relatório divulgado pela FAO (agência da ONU para alimentação e agricultura). Ao mesmo tempo estaremos enfrentando as consequências das mudanças climáticas, aumento das temperaturas, regime maior de chuvas e fenômenos climáticos extremos cada vez mais frequentes.

Na ótica da empregabilidade, estima-se que 25% dos empregos operacionais nos países de primeiro mundo sejam substituídos por robôs nos próximos 20 a 30 anos.

De acordo com pesquisas recentes, os trabalhadores com um nível médio de formação serão os mais afetados até 2050, e os trabalhadores de nível mais elevado deverão ganhar cada vez mais dinheiro, principalmente recém-doutores em inteligência artificial, porque existem muito poucos ao redor do mundo, e as pessoas com salários mais baixos continuarão a ter emprego, embora com salários cada vez menores.

Muitos temem que os robôs tirem os empregos humanos, mas no Japão as máquinas estão chegando para preencher vagas em meio à maior escassez de mão de obra em mais de 40 anos.

Na ótica do meio ambiente, até 2050 mais de 25.000 espécies de animais e plantas estará em risco de extinção, segundo a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN), pelas crescentes ameaças provocadas pela ação humana.

Estes são apenas pequenos dados sobre as mudanças silenciosas que estão ocorrendo pelo mundo, que não demorarão e sobre as quais precisamos nos preparar.

Todos nós queremos educação, segurança, saúde de qualidade, meio ambiente equilibrado, empregos e aposentadorias dignas. Ainda queremos dar aos nossos filhos as melhores vantagens possíveis, melhor alimentação e herança material, correto? Não há como alcançarmos isso com governos corruptos e populistas! Até 2050 o mundo mudará de uma forma nunca vista! Ou o Brasil encara isso com responsabilidade ou ficaremos numa situação cada vez mais adversa.

Todos os dados são públicos.


Envie seu Comentário

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.
Copyright 2014 © O Liberdade - Todos os direitos reservados. By Bimboo Software

Expediente | Anunciar no site | Trabalhe Conosco | Reportar Erro