O Liberdade

Previsão do Tempo

Campo Grande
+29°C
Grupo Liberdade
Quinta-feira, 20 de setembro de 2018
 
11/07/2018 11h32 - Atualizado em 11/07/2018 11h32

Casa de arquiteto famoso em Campo Grande vira espaço pra reunir amigos

Da redação
 
 

Um espaço aconchegante, intimista e funcional para receber pessoas que curtem boa música, aperitivos gourmet feitos por um chef internacional e cervejas especiais e artesanais. Assim é o "Tito em Casa", novo point de Campo Grande pra quem gosta de um lugar discreto, sem a badalação dos bares tradicionais.

A ideia é do engenheiro agrônomo Carlos Fernando de Camillo que transformou a casa onde mora num espaço para receber pessoas de bom gosto. Só que o local é mais que especial: a casa é um dos grandes projetos do arquiteto Rubens Gil de Camillo e foi, durante sua vida em Campo Grande, a residência que abrigou a família.

Localizada no privilegiado bairro Jardim dos Estados, a casa onde morava o arquiteto ainda preserva todas as características do seu projeto original, com a marcante assinatura de um dos maiores arquitetos que Mato Grosso do Sul já teve. O espaço ainda abriga também, praticamente, todos os móveis e decoração de quando De Camillo morava ali.

A intenção de Carlos (mais conhecido como "Tito"), terceiro filho dos quatro que o arquiteto teve, foi preservar a memória do pai e revelar ao público o ambiente em que Rubens Gil, muitas das vezes, desenvolveu seus projetos geniais.

E o Tito em Casa tem outra peculiaridade: funciona apenas um dia da semana, sempre às sextas-feiras, com a presença de bandas já consagradas na capital como a V12, a dupla Borba e Perez e a banda Cover Up. "É como se eu recebesse amigos  em casa, toda semana, que se sentem à vontade num espaço que não tem cara de bar. Pra muita gente é como estar numa reuniãozinha particular na casa de conhecidos", revela Tito.

O publico também é seleto, geralmente casais na faixa dos 35 a 50 anos que podem curtir um ambiente aconchegante, confortável e sem a barulheira dos bares comuns. Além disso, por causa da acústica da casa, é possível ouvir as bandas sem o incômodo da música alta, permitindo que se converse sem gritar.

O cardápio está por conta do Chef Arthur Baren que, semanalmente, prepara petiscos gourmetizados que surpreendem pelo sabor e apresentação.

O espaço se divide em vários ambientes. Uma sala mais íntima para grupos de até 15 pessoas, o sala principal onde os clientes se acomodam em sofás, poltronas confortáveis e mesinhas altas, um bar de coquetéis e drinks, outro bar de cervejas e área externa, à beira da piscina. A casa também acomoda uma espécie de palco onde as bandas se apresentam. A casa tem uma arquitetura moderna e foi construída em 1980, sendo a moradia de Rubens Gil até 2000, ano em que faleceu. "Após isso passei a morar aqui e perceber que tinha tudo para ser um espaço visitado", comenta Tito.

A casa abre às sextas, a partir das 19 horas, com bandas locais, que começam a tocar a partir da 20:30.

Quem foi Rubens Gil de Camillo

Rubens Gil de Camillo era paulistano mas se mudou para Campo Grande em 1980. Até então, já fazia projetos para a cidade do seu escritório em São Paulo. Seu primeiro projeto aqui foi o Banco do Povo, na Rua Barão do Rio Branco, em 1961. Foi a primeira vez que se usou vidro temperado numa obra em Campo Grande. A obra da sede do Sesi, da Av. Afonso Pena, foi o seu primeiro projeto mais arrojado e modernista. Sua fase de arquitetura da escola brutalista paulista, em Campo Grande, dá-se nos anos 70, com o uso de concreto aparente e muito vidro.

Em Campo Grande seus projetos mais famosos são o Centro de Convenções que leva seu nome, no Parque dos Poderes e a sede da Federação das Indústrias de MS – FIEMS. Outras obras importantes de Rubens Gil de Camillo são as residências de Arthur D’Ávila e de Naim Dibo, na avenida Afonso Pena (que acolheu em 2016 o projeto Casa Cor), os edifícios Arpoador e Ipanema – que têm os jardins projetados pelo paisagista Roberto Burle Marx - o Solar do Pantanal, a Loja Ciclosul, o Sesc Regional, dentre outras.

Rubens Gil de Camillo faleceu em 2000.

TITO EM CASA

Rua Manoel Seco Tomé, 405 (quase esquina com Antônio Maria Coelho) – Jd. dos Estados.

Horário de Funcionamento – toda sexta-feira, das 19h as 01:00h.



Envie seu Comentário

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.
Copyright 2014 © O Liberdade - Todos os direitos reservados. By Bimboo Software

Expediente | Anunciar no site | Trabalhe Conosco | Reportar Erro