O Liberdade

Previsão do Tempo

Campo Grande
+29°C
Grupo Liberdade
Quarta-feira, 12 de dezembro de 2018
 
09/11/2018 08h17 - Atualizado em 09/11/2018 08h17

Aprovação de novos projetos do Prodes garante 64 empregos diretos na Capital

Da redação
 
 

O prefeito Marquinhos Trad sancionou nesta quinta-feira (8) mais dois projetos aprovados através da Lei do Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social de Campo Grande (Prodes). Aprovados pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codecon) e pela Câmara de Vereadores, os projetos devem injetar mais de R$ 28 milhões na economia de Campo Grande, gerando 64 empregos diretos.

Até o momento, o Codecon já aprovou 35 projetos em 11 reuniões realizadas em 2018, com previsão de investimentos de pelo menos R$ 107,326 milhões e criação de 812 empregos diretos. Também neste ano, a Câmara Municipal aprovou e o prefeito sancionou 11 projetos com previsão de quase R$ 150 milhões em investimentos e criação de mais 568 empregos diretos.

"A cidade precisa abrir os braços para aqueles que produzem, para as empresas que possibilitam que os campo-grandenses possam trabalhar. Estamos devolvendo aos empresários os esforços que eles fazem para trazer investimentos, gerando emprego e renda para Campo Grande", disse o prefeito Marquinhos Trad, logo após sancionar os projetos.

O chefe do Executivo Municipal destacou os números relativos aos projetos aprovados pelo Codecon, especialmente quanto aos empregos diretos a serem gerados. Marquinhos enalteceu a força de trabalho proporcionada pelas empresas, que fizeram de Campo Grande a terceira melhor capital do país em geração de empregos, em outubro passado. "A alegria é nossa, em saber que existem empresas interessadas em investir na nossa cidade e, por isso, a Prefeitura está presente para oferecer os incentivos necessários", completou o prefeito.

"A Prefeitura Municipal, através da Sedesc, atingiu mais um objetivo para oferecer possibilidade de competitividade ao empresariado. As empresas que hoje recebem esses benefícios são merecedoras e estão fortalecidas para ganhar espaço no mercado nacional e, no futuro, internacional", disse o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia, Abrahão Malulei Neto.

Juliana Caldart, sócia-proprietária da Léo Madeiras, uma das empresas beneficiadas, comemorou o recebimento dos incentivos. "Com certeza estamos recebendo um excelente impulso para que nossa empresa possa dar um grande passo para geração de emprego e renda em Campo Grande".

Denilson Charro, proprietário da DR Indústria e Comércio, também enalteceu o resultado final do projeto. "Esses incentivos concedidos pela Prefeitura ajudam nossa empresa a progredir mais ainda. Temos que considerar também que solicitar incentivos através da Lei do Prodes é mais simples do que parece para quem não tem conhecimento da lei", afirmou o empresário, incentivando outros empresários a buscarem apoio na Lei do Prodes para fortalecer suas empresas.



Envie seu Comentário

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.
Copyright 2014 © O Liberdade - Todos os direitos reservados. By Bimboo Software

Expediente | Anunciar no site | Trabalhe Conosco | Reportar Erro